Latitude 00°00’00’’ – a linha do Equador e a metade do mundo

Compartilhe e Comente

Em Quito, capital do Equador, não podíamos deixar de visitar a metade do mundo. A linha do Equador divide o planeta nos hemisférios norte e sul e marca a latitude 00°00’00’’. Isso nos causou muitas reflexões.

Uma segunda-feira… um pouco cinza e fria, mas mesmo assim decidimos fazer a pequena viagem até o monumento que marca a linha do Equador.

quito  IMG 6224 reduzida 640x640 Latitude 00°00’00’’ – a linha do Equador e a metade do mundo

Latitude 0

O parque onde está o monumento é afastado do centro urbano da cidade de Quito e, de ônibus de linha, tardamos, aproximadamente, 1h30 para chegar e, ao total, foram dois ônibus.

Para ir, utilizamos o eficiente meio de transporte da capital. Na parada do centro histórico, Terminal Plaza Marín, subimos sentido terminal Ofelia. Uma viagem de, mais ou menos, 1 hora a U$0,25 pax.

Chegando ao terminal, perguntamos e na sequência nos indicaram o ônibus, ele leva o nome de “mitad del mundo” e nos custou mais U$0,15 pax para mais 30 minutos de viagem até o trevo do parque.

O local é rodeado de grandes e poderosas montanhas, e em uma zona mais industrial.

Avistamos o monumento e caminhamos sentido a ele. A entrada básica do parque vale U$3,00 pax e dá acesso a visitação externa do monumento e a todo o parque.

O local é bem arrumadinho e com atrativos. Muitas lojinhas de artesanatos, cafés e restaurantes. Para visitar o Museu da metade do Mundo e o Planetário são cobradas entradas a parte: www.mitaddelmundo.com. E, ainda, fora do parque existe o museu dos experimentos, onde algumas experiências como a rotação da água e a gravidade menor são executadas.

Nós nos contentamos com aquela linha traçada no chão e com o lindo jardim; aproveitamos para tirar muitas fotos! Quer dizer…

quito  IMG 6231 reduzida 640x640 Latitude 00°00’00’’ – a linha do Equador e a metade do mundo

Carol e Ivan felizes por chegarem a um de seus objetivos, nessa viagem – a metade do mundo

quito  IMG 6244 reduzida 640x640 Latitude 00°00’00’’ – a linha do Equador e a metade do mundo

Monumento da “Metade do Mundo”, representando em flores a parte Sul e a Norte

Quase nos contentamos…

A Carol, querendo tirar a prova real, buscou ajuda de alguém, conheceu o Chalo, que a levou em um banheiro do lado sul do planeta e depois do lado norte para dar a descarga e comprovar a rotação da água. Ela disse que do lado sul a água desceu meio bagunçada, mas, aparentemente, desceu sentido horário, já do lado norte a água desceu bem sentido anti-horário.

Enquanto isso, o Ivan ficou observando um chefe de cozinha mostrar para um turista (por casualidade brasileiro), que ali na metade do mundo se podia parar um ovo em cima de um prego!

quito  IMG 6249 reduzida 640x640 Latitude 00°00’00’’ – a linha do Equador e a metade do mundo

Da varanda do pintor Chalo Balseca

Fora isso, a Carol também se pesou em uma balança no local que a deixou feliz! Na metade do mundo a gravidade é menor e ela estava bem mais magrinha do que o peso real. rs

Depois de todas essas experiências, saímos satisfeitos com o passeio. Mas ao subir no ônibus para voltar a casa, ficamos bravos com o cobrador que nos cobrou U$0,40 pela volta até o terminal Ofelia. Mas, nos explicaram que do terminal até o centro da cidade não era necessário pagar passagens.

Maravilha, né?! Não! Ficamos meio bagunçados com os experimentos e erramos o ônibus que volta até o centro. Pegamos um e só nos demos conta quando estava quase chegando outra vez no terminal.

Enfim, aí descemos e tivemos que pagar para pegar o certo. O trolerbus certo para voltar de Ofelia é o C2 que diz “Marín” na plaquinha que tem que ser de cor amarela! Pagamos os U$0,25 pax e fomos pra casa!

Há especulações de que a metade do mundo não é ai…e sim há, aproximadamente, 200 metros do monumento construído. Não tivemos a oportunidade de confirmar essa observação.


Gostou?! Receba nossos passos